autocad_64bits

Alguns profissionais procuram por desempenho, velocidade, robustez, confiabilidade, mas nem todos entendem como funciona um sistema 64 bits e como ele pode ajudar a obter todas essas vantagens. Descubra se o sistema do AutoCAD 64 bits é ideal para você ou se pode continuar usando AutoCAD 32 bits normalmente. Confira...

Com a enormidade de tecnologias que temos disponíveis atualmente, fica bastante complicado entender o que significa todas aquelas siglas e nomenclaturas. Um bom exemplo disso são as versões do AutoCAD em 32 bits e 64 bits, bem como as do Windows 7 com as mesmas tecnologias. Cada uma delas possui características que agradam a usuários distintos.

Agora, se você deseja aprender mais a fundo sobre esse assunto, recomendo que você assista a esse vídeo...

O grande problema do AutoCAD se dá quando você está carregando um projeto extremamente pesado, com várias camadas de informação, além de explorar as potencialidades do 3D para visualizar seus projetos. Nesse momento você estará forçando sua workstation computacional ao máximo, fazendo uso de muita memória RAM para manter seu projeto “na agulha” para mais velocidade no fluxo de trabalho.

Vamos entender as diferenças dos sistemas 32 bits e 64 bits, isso para você pensar se é ou não um usuário que possa ser beneficiado por essa tecnologia. Primeiro, os sistemas 32 bits são direcionados para usuários domésticos, com tarefas domésticas que exigem menos de 3 GBs de memória RAM, que é o limite do sistema 32 bits. Não adianta você comprar um computador com 4 GBs de RAM, o Windows 7 32 bits não consegue manipular toda essa memória. Finalmente, os sistemas domésticos podem rodar o AutoCAD 32 bits com naturalidade, mas quando seu projeto exigir muito da máquina, talvez você queira atualizar seu sistema para 64 bits para um maior poder de processamento.

Nota: Na verdade, esses 4 GB de RAM são mais vantajosos para o marketing do computador na venda do que na prática do usuário doméstico.

Por outro lado, o sistema 64 bits é capaz de gerenciar mais de 100 GBs de RAM, isso é suficiente para os maiores projetos do AutoCAD. Além disso, você pode ainda contar com um desempenho otimizado que em alguns casos chega a 10 vezes mais rápido que sua versão 32 bits convencional.

Para ter um sistema 64 bits, você precisa de um processador com arquitetura 64 bits, um sistema operacional ex.: Windows 7 64 bits, e lógico, a versão do AutoCAD 64 bits. Esse tripé vai ajudar você a ter mais segurança (a maioria dos vírus não funciona em 64 bits), mais velocidade ( até 100 GBs de RAM), mais robustez.

Nota: Nem todos os drivers de dispositivos funcionam nessa arquitetura. Lembrando também, que os processadores atuais já vêm preparados para 64 bits.

Se você quer montar uma workstation com o AutoCAD 64 bits, então o melhor a fazer é falar com seu técnico de informática para montar um sistema x64 que possa suportar todo o seu volume de informações.

E você, está pensando em montar um sistema com o AutoCAD 64 bits?

Abraço!

 

Uma dica extra do Rodrigo: Se você deseja conhecer O Segredo para Aprender AutoCAD de Uma Vez Por Todas, recomendo que confira esse vídeo agora mesmo.

QUERO VER O VÍDEO